Casamento grego

Casamento grego: como funciona?

Como é um casamento grego? – Cerimônia, festa, decoração, convites, vestido da noiva, lembrancinhas e curiosidades.

O casamento é um evento comum a diversos países. No entanto, suas características mudam de acordo com  a cultura local. Um exemplo é o casamento grego. O objetivo é o mesmo que já conhecemos: a união matrimonial. Mas os elementos que compõe a celebração grega são bem diferentes dos da brasileira. 

A fim de entender melhor esse universo, contamos com a colaborção de Alexios Vinicius, padre da Igreja Ortodoxa Grega no Brasil. Alexios participou do programa Fábrica de Casamentos do SBT. Mais especificamente, no episódio em que foi realizado um cerimônia grega.

Onde e quando acontece?

Um casamento grego tradicional é usualmente celebrado em um domingo.
Na Grécia, a maioria da população pertence à religião ortodoxa, na qual o casamento é um sacramento. Assim, é comum que os casais queiram se casar na igreja. Além disso, é um local sagrado e contém toda a estrutura necessária para a realização do casamento, tornando mais fácil. Mas, também é possível realizar fora da igreja em chácaras, praias ou salões de festa, desde que seja autorizado e avisado com antecedência, conta Alexios.

Quais são as etapas da cerimônia?

Segundo Alexios, de maneira geral, se divide em duas partes: o Rito dos Esponsais (noivado) e o Rito da Coroação (Matrimônio). Originalmente, esses eram feitos em dias diferentes. 

Mais especificamente, é nessa ordem que acontece:

O padre coloca as alianças nos noivos.
Colocação das alianças. Episódio casamento grego Fábrica de Casamentos SBT.
Foto: Arquivo público SBT
1.Noivado com a colocação das alianças:

o sacerdote entrega aos noivos uma vela acesa, símbolo da alegria, calor e pureza. Prossegue com a benção e a entrega das alianças, primeiro ao noivo, depois à noiva, traçando com elas o sinal da cruz sobre cada um deles para simbolizar a Santíssima Trindade (o Pai, o Filho e o Espírito Santo). Após as alianças, o celebrante pergunta aos noivos sobre a liberdade, a consciência e o desejo de ambos estarem ali para se unirem em matrimônio.

Os noivos estão sendo coroados. As coroas são douradas e contém uma fita branca pendurada - Uma das tradições do casamento grego.
Coroação. Episódio casamento grego Fábrica de Casamentos SBT.
Foto: Arquivo público SBT
2.Matrimônio – Coroação, leitura da Epístola  e do Evangelho:  

Nesse momento, pega-se duas coroas, ricamente adornadas, semelhante à dos reis, e é feita uma a oração de bênção colocando-as sobre as cabeças dos noivos. Na hora da coroação, eles vão trocá-las três vezes, simbolizando a união eterna.  As coroas simbolizam que eles, se tornam fundadores de uma família e donos do lar, os reis, por assim dizer, de uma geração futura e que recebem a responsabilidade de utilizar este poder para a felicidade dos que vierem se juntar a família. Em seguida, lê-se, a Epístola e o Evangelho.

O padre oferece um cálice de vinho para a noiva.
Cálice de vinho. Episódio casamento grego Fábrica de Casamentos SBT.
Foto: Arquivo público SBT
O padre dá as mãos aos noivos e os guia a dar voltas ao redor do altar.
Voltas ao redor do altar. Episódio casamento grego Fábrica de Casamentos SBT.
Foto: Arquivo público SBT
3.Cálice de vinho comum,3 voltas do altar:

Após a leitura da Epístola e do Evangelho, é abençoado um cálice de vinho qual o casal irá beber 3 vezes cada, em sinal de que em sua vida matrimonial, deverão ter tudo de comum acordo. O sacerdote, carregando o Evangelho, conduz os noivos em volta do altar por três vezes, simbolizando a alegria de suas almas. A repetição da volta representa a eternidade. O casal, ao efetuar o trajeto, exprime que prometem mantê-la intacta, sem rupturas, não importa que empecilhos houver.

4.Retirada das coroas e despedida

Casamento grego X  Casamento tradicional cristão

A diferença é que o casamento ortodoxo grego vem de uma tradição muito antiga introduzida em Constantinopla, no século IX. Na igreja grega ortodoxa,o sacerdote não é “apenas uma testemunha”, o ofício acontece através do padre, é ele quem ministra o sacramento, explica Alexios.

Decoração

Foto com diversos olhos gregos representados. O olho grego é um talismã de cor azul.
Olho grego
Foto: Google imagens – Marcada para reutilização

A parte de decoração e adornos é caracterizada por uma paleta de cores claras. Por vezes, adiciona-se elementos em prata e dourado, trazendo requinte. Além disso, ramos de oliveira e “olho grego” são comuns. 

Noiva

Assim como a decoração, cores claras e suaves! O vestido é longo e em tons claros, similar aos das deusas gregas. A maquiagem e o cabelo também seguem a linha delicada. O buquê geralmente é composto de ervas aromáticas, como manjericão, tomilho ou hortelã-pimenta.

Festa

Animação, alegria, música, dança e comida definem uma festa de casamento grega! É também na festa que ocorre a conhecida quebra de pratos, representando desapego de bens materiais e boa sorte aos noivos.

Convites

Acima de tudo, o tema floral sempre está presente. Além da estampa de flores impressa no convite, pétalas são colocadas dentro do envelope.

Lembrancinhas

Amêndoas confeitadas! Muito tradicionais, elas apresentam um sabor agridoce, remetendo, assim, a ideia de que o casamento é feito de momentos positivos e negativos. Além disso, o açúcar simboliza a esperança de que os períodos bons sejam mais recorrentes que os ruins.

Curiosidades gerais

  • Em algumas ilhas gregas, a noiva chega montada em um jumentinho
  • Esmagar uma romã com os pés é um ato comum para os noivos que desejam ter vários filhos, já que tal fruta simboliza a fertilidade
  • A fim de trazer força e união, um pedaço de ferro é arremessado no telhado da casa dos noivos ou colocado no interior da residência
  • A fim de trazer boa sorte aos casados, a família joga dinheiro na cama dos noivos

Tudo bem diferente do que estamos acostumados no Brasil! Mas, as culturas estão cada vez mais mescladas, sendo comum acontecerem casamentos no estilo grego e de outras nacionalidades no Brasil.

Até a próxima!


Quer saber mais sobre tradições de casamento? Então, leia os posts sobre a história do vestido de noiva e sobre a cultura de maio como o mês das noivas.

Contato Padre Alexios Vinícius:

Padre Ecônomo da Igreja Ortodoxa Grega Da Diáspora no Brasil
Endereço: Paroquia Axion Estin. Alameda Guarujá ,686,Sorocaba -SP
E-mail: paroquiaaxionesti@gmail.com
Telefone: 015 9970-06841

Anteriores

Maio: o mês das noivas?

Próximo

Maquiagem para noivas: realçando a beleza

  1. Beatriz Calais Barbosa

    Amei saber sobre esse tanto de superstição!!! O do jumentinho é sem condiçõessss

  2. Lucia Souza

    Quantas curiosidades! É muito interessante entender como cada cultura tem suas particularidades! Adorei. Excelente matéria!! Parabéns

  3. Essas superstições são muito interessantes! Adorei.!!

  4. Patrícia Capassi

    Mais uma matéria muita boa!!!
    Esperando por mais curiosidades sobre o tema!!!

  5. Tania R Capassi

    Muito interessante a matéria. Não conhecia sobre o ritual. Gostei muito. Parabéns..

  6. Vila Santarém doces

    Adorei, muito bacana a matéria. Traz conhecimento de outras culturas e rituais tão importantes. Esse blog é muito bom, com conteúdos relevantes e muito bem escrito. Parabéns

  7. Maria Carolina

    Adoraria participar de um casamento grego!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén